Desafios da formação


     

Letra A ‚ÄĘ Quinta-feira, 13 de Agosto de 2015, 15:59:00

Por Eliza Dinah

A inclus√£o da Matem√°tica no Pacto foi um al√≠vio para muitos dos professores, j√° que a disciplina sempre foi vista como um dos grandes desafios do ciclo de alfabetiza√ß√£o. A supervisora Heloisa Borges observa que os conhecimentos pr√©vios dos docentes eram mais ligados √† aplica√ß√£o de t√©cnicas, sem uma compreens√£o clara dos princ√≠pios matem√°ticos. ‚ÄúO professor sabe fazer uma divis√£o, sabe que tem que colocar o tra√ßo de tal forma e que come√ßa a divis√£o da esquerda para direita, diferente das outras opera√ß√Ķes. Ent√£o, eles sabiam dessa t√©cnica, mas n√£o entendiam por que √© feito assim‚ÄĚ, relata. A supervisora Luciana Tenuta tamb√©m chama a aten√ß√£o para o fato de que as dificuldades dos professores v√™m da forma√ß√£o inicial, e muitas vezes at√© de seu tempo como estudantes. ‚ÄúEspa√ßo e forma, por exemplo, √© um conte√ļdo em que o professor de Ensino Fundamental I, em geral, tem uma dificuldade muito grande, at√© um certo receio. Muitas vezes isso se deve a uma experi√™ncia ruim que tiveram enquanto estudantes, ou porque n√£o estudaram nada de Geometria na escola‚ÄĚ, afirma Luciana.

Para superar esses obst√°culos, os jogos e as brincadeiras se tornaram pe√ßas-chave da forma√ß√£o. Mas, segundo Luciana Tenuta, foi preciso consolidar a no√ß√£o de que √© indispens√°vel o embasamento te√≥rico que fundamenta cada atividade. ‚ÄúN√≥s v√≠amos que havia muito o ato de fazer o jogo s√≥ pelo jogo, o l√ļdico s√≥ pelo l√ļdico, numa tentativa de fazer a Matem√°tica ser gostosa e agrad√°vel‚ÄĚ, observa. ‚ÄúMas isso tem de ser uma consequ√™ncia de um trabalho consistente com a Matem√°tica‚ÄĚ, completa. Assim, o jogo passou a ser uma ferramenta aliada do conte√ļdo te√≥rico. ‚ÄúO aluno, √† medida que joga na tentativa de ganhar, tem que ativar o pensamento para tentar resolver aquela situa√ß√£o que √© nova pra ele‚Äô‚Äô, explica Luciana.

 


Continue lendo:

Um novo olhar sobre a Matem√°tica

A Matem√°tica de ‚Äúcara nova‚ÄĚ

Trilhando caminhos interdisciplinares

Sispacto: monitoramento e di√°logo

Partindo do diagnóstico e das diferenças