História da literatura infantil - Entrevistas

Confira as entrevistas que Alice √Āurea Martha Penteado, Marisa Lajolo e Regina Zilberman concederam ao Letra A


     

Letra A ‚ÄĘ Quarta-feira, 30 de Mar√ßo de 2016, 12:59:00

Marisa Lajolo

"A escola √©, sem d√ļvida, at√© hoje, a grande propagadora da literatura infantil.¬† H√° algum tempo o governo vem fornecendo √†s escolas acervos para bibliotecas e salas de leitura.¬† Muitas vezes ‚Äď para o bem e para o mal - a leitura liter√°ria faz parte dos deveres e de eventos escolares."

Acesse aqui a entrevista

 

Regina Zilberman

"Eu diria que atualmente a literatura infantil n√£o perdeu essa caracter√≠stica [emancipadora], mas ela tem investido mais no que n√≥s poder√≠amos chamar da metalinguagem. Quer dizer, uma incorpora√ß√£o de produtos oriundos de outras linguagens ‚Äď seja linguagens gr√°ficas, seja produ√ß√£o liter√°ria anterior, seja par√≥dia ‚Äď ela tem procurado rever a sua pr√≥pria hist√≥ria de uma forma cr√≠tica"

Acesse aqui a entrevista

 

Alice √Āurea Martha Penteado

"A fragmenta√ß√£o da linguagem que ocorre na literatura do adulto ‚Ästcom o p√≥s-modernismo, com essa fragmenta√ß√£o do mundo, que vai gerar fragmenta√ß√£o do homem,¬†que vai gerar fragmenta√ß√£o na arte ‚Ästtamb√©m chega √† literatura infantil e √† juvenil."

Acesse aqui a entrevista