O livro-brinquedo na formação de pequenos leitores

Tese que será defendida na FaE aborda como o livro-brinquedo pode ser uma ferramenta para incentivar a leitura desde a creche e pré-escola


     

Acontece ‚ÄĘ Segunda-feira, 10 de Junho de 2013, 13:17:00

Imagem: http://www.maegeek.com/

Al√©m de divertir, os livros-brinquedo tamb√©m possuem estrat√©gias l√ļdicas de atratividade √† leitura aut√īnoma ou mediada. Esse √© o fio condutor da pesquisa de Ana Paula Mathias de Paiva, que defende sua tese no pr√≥ximo dia 14, na sala 402 da Faculdade de Educa√ß√£o da UFMG, √†s 14h. Em 2010, Ana Paula publicou a obra ‚ÄúA Aventura do Livro Experimental‚ÄĚ e atualmente pesquisa sobre os livros-brinquedo. Trabalha tamb√©m junto ao Ceale como professora bolsista, ministrando o curso ‚ÄúMediadores de Leitura: o letramento liter√°rio e o uso dos acervos das bibliotecas escolares‚ÄĚ, em Santa Luzia.

A tese, que tem como t√≠tulo ‚ÄúUm livro pode ser tudo e nada: especificidades da linguagem do livro-brinquedo‚ÄĚ, analisa livros nacionais e internacionais, incluindo exemplares produzidos pelas professoras do N√ļcleo de Alfabetiza√ß√£o e Letramento de Lagoa Santa, cidade onde atuou como oficinista de produ√ß√£o de livros. Na pesquisa, Ana Paula d√° destaque para o livro-brinquedo como bem cultural e manifesta√ß√£o liter√°ria, e n√£o apenas como um ornamento. Para a pesquisadora, enxerg√°-lo simplesmente como brinquedo seria vazio.

Participarão da banca avaliadora a professora emérita Magda Soares, Luis Camargo (Unicamp/FTD), Ligia Cademartori (UnB), Zelia Versiani (UFMG) e Aparecida Paiva (UFMG/PNBE- orientadora).