Abec

Abec


     

Prontidão, características e atuação dos professores e rendimento escolar de crianças de 1ª série.

O objetivo da pesquisa foi elucidar o peso relativo como determinantes do rendimento escolar, das seguintes variáveis: formação escolar do professor, anos de experiência docente, atitudes verbalmente expressas quanto a problemas dos alunos, uso do elogio, repreensão ou punição, tipo de participação do aluno nas aulas, disciplina, atividades didáticas, faltas do professor e nível de prontidão dos alunos. A amostra constituiu-se de 24 classes de 1ª série, de 9 escolas da periferia urbana de São Paulo. Os instrumentos utilizados foram: entrevistas com professores, exame dos livros de ponto, observações em sala de aula, aplicação de provas de prontidão e de escolaridade no final do ano letivo. A análise dos dados evidenciou que: o conjunto das variáveis estudadas explicou 39% da variância do rendimento final; as variáveis mais importantes foram o nível de prontidão (explicou 26% do rendimento final) e a mobilidade docente (explicou 7% do rendimento final); as demais variáveis pouco acrescentaram, depois de computados os efeitos dessas duas.

Ano Publicação: 1983
Grau Do Trabalho: Tese de Doutorado
√Ārea: Psicologia
Tema: Psicologia
Natureza Do Texto:Pesquisa: Estudo Comparativo
Referencial Teórico: Psicologia Associacionismo
Ideário Pedagógico: Pedadogia Tecnicista
Assunto:Determinantes de Resultados
Referência:

SIPAVICIUS, Nympha Aparecida Alvarenga. Prontidão, características e atuação dos professores e rendimento escolar de crianças de 1ª série. São Paulo: PG em Psicologia, Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo, 1983. 256p. (Tese de Doutorado).